Azores Digital

--> Hoje, dia 23 de Outubro de 2017

A DELTA EM PDL OU A DELTA NOS AÇORES?

Sábado, 30 de Setembro de 2017 132 visualizações Partilhar

Foi recentemente anunciado que a DELTA Airlines vai passar a voar para Ponta Delgada.

Embora ache - e acho - que deveria haver uma maior distribuição de entradas no arquipélago, por uma questão de maior e melhor distribuição de passageiros pelos diversos acessos disponíveis, a pergunta que faço em título precisa ser respondida, quer pelo Membro do Governo Regional que tutela a transportadora regional, quer pelo calendário de voos internos da Sata Air Açores. Sobretudo por esse calendário!

De facto e em boa verdade, sabendo nós quantas são as pessoas que ainda se espantam por os Açores não serem uma colónia de Espanha e Portugal uma região autónoma do país vizinho, conhecer que a DELTA vai voar para os Açores já devia ser suficiente, independentemente de o porto/porta de entrada ser este ou aquele aeroporto, das várias gateways de que nos orgulhamos, para consumo interno.

Porém a pergunta faz todo o sentido, porque, como se sabe, o arquipélago dos Açores é um conjunto de lugares que depende, quase na totalidade, da intercomunicação que for possível gerar, e o costume tem sido ver a gateway de PDL crescer, mantendo-se as outras mais como portas de entrada ou de saída no papel do que na realidade ao mesmo tempo que, quem chega, fica-se pela porta.

Por mim tanto se me dá que a DELTA aterre em São Miguel, no Corvo, nas Lajes da Terceira ou do Pico. O que me parece fundamental, desde já, é garantir que a porta de entrada por PDL seja, efectivamente, uma porta de entrada para o arquipélago, no seu todo, e não se restrinja, apenas, à ilha do Arcanjo.

Como todos bem sabemos basta um “reacerto” de horários para que os passageiros sejam desmotivados a seguir adiante. Basta mais ou menos meia hora, como aconteceu, este ano, com as Flores, para que o tráfego cresça ou diminua. Bastam alguns atrasos e tudo fica posto em causa e os calendários de inverno já devem estar mais que feitos ou a ser ultimados.

Assim, a partir daqui, desta página de jornal, na minha qualidade de contribuinte e de micro empresário, já agora, pergunto ao acionista Região, que me representa, e a nós todos, nas reuniões com a administração da SATA, de que modo, concreto, teremos o aproveitar da vinda da DELTA para benefício de todas as ilhas?

 

 

Colunista:

Francisco Maduro - Dias

Outros Artigos de Francisco Maduro - Dias

Mais Artigos