Azores Digital

--> Hoje, dia 19 de Setembro de 2017

José Manuel Bolieiro: "o nosso projeto é de cidadania"

Sexta, 04 de Agosto de 2017 em Política 1355 visualizações Partilhar José Manuel Bolieiro: "o nosso projeto é de cidadania"

O Largo do Colégio, em Ponta Delgada, serviu de palco para a apresentação pública dos candidatos autárquicos à Câmara Municipal, cujo cabeça de lista é José Manuel Bolieiro, à Assembleia Municipal, encabeçada por Francisco Rêgo Costa, e à presidência das Juntas de Freguesia do concelho.

Na apresentação, José Manuel Bolieiro, que se recandidata ao segundo mandato para a Presidência da Câmara de ponta Delgada, a escolha do Largo do Colégio, cuja remodelação foi realizada por proposta das pessoas, através do Orçamento Participativo, teve a ver com o facto do mesmo estar "carregado de simbolismo e significado".

"Queremos evidenciar, sem qualquer dúvida, que o nosso projeto é de cidadania. Estamos candidatos por sentido de missão cívica e por espírito de serviço à nossa gente e à nossa terra." - acentuou o candidato.

A recandidatura de José Manuel Boleiro, como disse o próprio, surge "pelo orgulho que temos da nossa história, do nosso percurso coletivo e pela confiança que temos na nossa capacidade de prestar um bom serviço público, com estratégia, dedicação e realismo."

"Não estamos candidatos por afirmação de uma carreira política, nem por obrigação partidária. Estamos empenhados na política pelas pessoas, pelo desenvolvimento, pela democracia e pela liberdade de escolha de cada cidadão. Estamos comprometidos com a humildade pessoal, com a transparência dos procedimentos, com a imparcialidade no exercício do Poder, com o respeito pela dignidade e liberdade das pessoas." - frisou.

Assumindo-se como um candidato de todas as pessoas - "aquelas que no passado nos confiaram o seu apoio e aquelas que tenham tido opinião diferente ou críticas em relação a nós" - José Manuel Boleiro disse que a sua lista está irmanada no "espírito de missão" e no "compromisso de estar ao serviço da causa pública."

"Como decisores, não temos atitude ditatorial. Temos a ambição de contar com a participação da cidadania, ela sim a decisora em democracia. Foi por isso que escolhemos aqui o Largo do Colégio, reabilitado e regenerado, por impulso cívico da cidadania participativa." - adiantou.

Recordando que Ponta Delgada foi pioneira nos Açores relativamente à implementação do Orçamento Participativo, com caráter deliberativo, o candidato fez questão de afirmar que "estaremos, como estamos, ao serviço da causa democrática, da causa do desenvolvimento sustentável, da causa da solidariedade, da causa da inclusão social, das causas educativa e cultural."

Sem esquecer o pioneirismo da Autarquia a que ainda preside na descentralização do poder, na valorização do papel das juntas de freguesia, acrescentou: "Fomos pioneiros no Poder Local dos Açores, quanto ao procedimento transparente, imparcial, anualmente previsível, regular, certo e reforçadíssimo das transferências financeiras municipais para as juntas de freguesia. Triplicámos valores."

Tudo isto sem "olhar a cores partidárias" e respeitando "integralmente a legitimidade democrática" de cada freguesia.

 

Rádio AzoresGlobal

 

Mais Populares

Metereologia

    errorerror
  • Ponta Delgada º

    Ponta Delgada

  • errorerror
  • º

  • errorerror
  • Lajes das Flores º

    Lajes das Flores