Azores Digital

--> Hoje, dia 15 de Novembro de 2018

Ana Vitória Couto quer JS como parte de um projeto de transformação e de progresso liderado pelo PS/Açores

Segunda, 18 de Dezembro de 2017 em Política 3939 visualizações Partilhar Ana Vitória Couto quer JS como parte de um projeto de transformação e de progresso liderado pelo PS/Açores
​​

"Não queremos estar na política por estar, mas sim para fazermos parte de um projeto de transformação e de progresso, liderado pelo PS nos Açores", afirmou Ana Vitória Couto, na sessão de encerramento do XIII Congresso da Juventude Socialista dos Açores, que decorreu, este domingo, na Ribeira Grande.

 

Na sua intervenção, a nova Presidente da JS/Açores reconheceu que os "desafios de hoje" são muito diferentes e realçou que foi a governação socialista que mudou a Região para melhor, referindo, a este propósito, os vários indicadores económicos e sociais que comprovam o novo ciclo.

Perante o Presidente do Partido Socialista Nacional, Carlos César, o Presidente do PS/Açores, Vasco Cordeiro, e o Secretário-Nacional da Juventude Socialista, Amadeu Dias, entre outros dirigentes socialistas, a nova líder da JS considerou ser fundamental estabelecer um "diálogo competente e favorável", em benefício dos Açores, dos jovens açorianos e de uma sociedade inclusiva.

"Hoje, ser jovem nos Açores – e ter participação cívica e política – significa ter presente as especificidades geográficas, mas também as especificidades resultantes dos diferentes estádios da juventude", referiu Ana Vitória Couto.

De acordo com a Presidente da JS/Açores, a moção "Somos a Voz Ativa" pretende "constituir um ponto de partida para a reflexão e para o trabalho conjunto que os jovens socialistas terão que realizar, de forma particularmente saliente, nos próximos dois anos".

A Juventude Socialista quer ser e quer ter uma "Voz mais ativa" em combates que não são um exclusivo político de nenhum partido ou força política de juventude, como por exemplo, o combate contra a abstenção e o reforço da participação cívica, em particular dos jovens.

No seu discurso, Ana Vitória Couto fez questão de referir que é fundamental "investir na formação e qualificação política", para além de assegurar "a indispensável representatividade junto dos órgãos partidários, de modo a garantir que "continuamos a ser os porta-vozes da juventude açoriana junto do PS e não apenas os porta-vozes do PS junto da juventude açoriana".

Neste sentido, a JS/Açores vai, nos próximos dois anos, realizar ações de formação, debate e sensibilização política em todas as ilhas. Esta ampla ação de formação, destinada aos militantes, mas não só, será realizada em articulação com os órgãos de ilha do PS/Açores.

Tendo em conta aquelas que são as prioridades políticas do projeto de Ana Vitória Couto, vai ser lançada uma abrangente campanha de angariação de militantes nos 19 concelhos da Região, de forma a aumentar o "número de militantes e trazer mais gente à participação política".

"A JS/Açores tem um contributo muito importante a dar na discussão sobre o futuro da nossa Região", concluiu Ana Vitória Couto.

 

Rádio AzoresGlobal

 

Metereologia

    errorerror
  • Ponta Delgada º

    Ponta Delgada

  • errorerror
  • º

  • errorerror
  • Lajes das Flores º

    Lajes das Flores